Atualizado: 8 de Agosto, de 2017

Jovem transmite suicídio ao vivo pelo Instagram

A estudante Bruna Andressa Borges, aos 19 anos de idade, questionou as pessoas em suas redes sociais se alguém já havia assistido a uma morte ao vivo. Pouco tempo depois, ela transmitiu, por meio de sua conta no Instagram, o próprio suicídio. Os amigos da jovem chegaram a ligar para os bombeiros socorrerem-na, mas não sabiam o endereço correto e, quando Bruna foi encontrada, já era tarde demais.

O caso aconteceu na quarta-feira, 26 de julho último, e suspeita-se que a garota estava deprimida em decorrência de um término de amizade. A família já passava por uma tristeza imensa quando, na sexta-feira (28), os pais de Bruna foram encontrados mortos no mesmo cômodo em que a garota cometeu o suicídio.

Os falecimentos de Márcio Augusto Borges, de 45 anos, e Claudineia Borges, de 39, estão sendo investigados pela polícia de Rio Branco, capital do Acre, sendo que o responsável por essa investigação, coronel Wellington Barbosa, já afirmou que há fortes indícios de suicídio e não existe nenhum sinal de que uma terceira pessoa tenha estado presente.

De acordo com o investigador do caso, quando o inquérito for finalizado, em, no máximo, 20 dias úteis, é provável que a Polícia tenha concluído que cada pessoa nessa família tirou a própria vida.
No dia seguinte à morte de Márcio Augusto e Claudineia, o ex-namorado de Bruna também tentou o suicídio. O jovem de 17 anos de idade, que não teve a identidade divulgada, foi encontrado desacordado pelos pais e levado imediatamente ao pronto-socorro. Felizmente, no caso dele houve tempo para a equipe médica agir e, nesse momento, o rapaz já não corre mais risco de morrer.

Dor insuportável

Bruna, Márcio Augusto e Claudineia passavam pelo momento mais difícil de suas vidas. Cada um possuía um problema que achava impossível ser resolvido, de maneira que a dor e a angústia cresciam dentro deles como se fossem sufocá-los.

Força Jovem

Deus é o Autor da vida e só Ele tem a autoridade para decidir quando uma vida deve terminar. Devemos, então, ser gratos pela vida que Deus nos dá e aproveitar cada segundo com o objetivo de viver.

Para evitar este controlo da mente, que muitas vezes se proporciona por uma relação pouco saudável que muitos jovens mantêm com o que o mundo lhes apresenta, o Força Jovem realiza, todos os sábados, um encontro muito especial. Aqui os jovens aprendem qual o seu verdadeiro papel na sociedade e a capacidade e força que têm para eles próprios serem uma influência positiva no mundo. Vale a pena viver!

Fonte: universal.org

Deixe um comentário

Faz login através destas redes sociais:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

#1 Comentário

  • Domingos

    Agosto 12, 2017 ás 13:25h

    Eu sóu Domingos Era viciado foi a força jovem o vi a palavra de Deus mudou a minha vida hoje tenho u Espírito Santo amigo e amiga sei Deus mim mudou porque que Deus não consegui também um dar a tua vida vem na FJU que Deus Ta conosco VAI